BEM VINDO AO GP4FUN

AQUI A DIVERSÃO É A ALMA DO NEGÓCIO

OFICINA RF2

GP4FUN F1 2022

RF2 - MOD F1 2022 GP4FUN

GP4FUN PERSONALIZADO

TRAGA A PINTURA DE SUA EQUIPE E CAPACETE



TEMPORADA 2022





ROUND 6
MONACO

A sexta etapa do campeonato foi marcada por diversas confusões já no treino classificatório. Os fiscais encaminharam pedido de desclassificação do pole position – Evandro Marques, pois identificaram que misturado ao combustível havia Urinolina e 412 esferas de Naftalina. Com a desclassificação do piloto, Moacyr Silva largaria na pole. Largaria? Sim... Bobby foi coçar o nariz na volta de apresentação, e por conta de sua síndrome do Tiranossauro Rex, tentou com a língua e acabou batendo no guardrail, obrigando-o a largar dos boxes. A corrida estava para Márcio Abduch ou Giuliano Kneipp. Mas... Mas... Maaasssss os dois pilotos que vinham de trás começaram uma briga incessante para recuperar as posições perdidas. Cada um com uma estratégia diferente. Brigas por diversas posições e o destaque para o enrosco entre Marcio e Evandro que definiu a corrida. Nenhum venceu, mas Moacyr Silva aproveitando a briga na pista dos dois, fez uma dupla ultrapassagem e venceu a corrida. Os comissários ao final da corrida aplicaram algumas punições e a corrida terminou assim:
P1 – Moacyr Silva P2 – Marcio Abduch P3 – Evandro Marques P4 – Giuliano Kneipp P5 – Arilson Sampaio P6 – Eduardo Stadulni P7 – Raphael Cleodolpho P8 – Roberto Sena P9 – Jorge Paes
Confira aqui o resultado da corrida.


ROUND 5
BARCELONA

O GP4FUN desembarca agora na Espanha. Os tempos de treino livre muito próximos davam sinal do que seria a etapa em si. Evandro Marques, seguido por Marcio Adbuch e Eduardo Stadulni. A corrida iniciou de forma frenética! Até que na abertura da volta 2, o carro de Eduardo Stadulni agride demais a zebra interna na primeira curva, fazendo perder aderência e rodar. Como os carros estavam todos juntos o estrago foi iminente. Vários carros envolvidos e somente uma certeza: uma Factory a menos na corrida. Outra certeza? O abandono da outra Factory logo em seguida. Uma briga mostra entre os ponteiros, Moacyr Silva e Evandro Marques que levaram suas posições até o final da corrida. Fechou o pódio Márcio Abduch. O resultado final da corrida foi este:
P1 – Moacyr Silva P2 – Evandro Marques P3 – Marcio Abduch P4 – Giuliano Kneipp P5 – Arilson Sampaio P6 – Raphael Cleodolpho P7 – Roberto Sena P8 – Eduardo Stadulni P9 – Alex Rosa (DQ)
Confira aqui o resultado da corrida.



ROUND 3
MELBOURNE

A terceira etapa foi marcada por diversos acidentes e incidentes. Após a primeira Pole de Evandro Marques a corrida se desenrolou de forma satisfatória (e muito satisfatória) para Giuliano Kneipp. O Bi-Campeão (2016 e 2017) pisou fundo para garantir a vitória e a liderança no campeonato de 2022. Evandro e Marcio Abduch completaram o pódio e Eduardo Stadulni após voltas e voltas disputando com os carros da Bahia Team fechou os que chegaram ao final da corrida. Moacyr Silva, Marcos Lazarin e Jorge Paes ficaram detidos na imigração australiana. O primeiro por tentar ingressar no país do canguru com um par de pernas de pau. O segundo por também tentar ingressar com uma privada chinesa cocorizadora. O último por simplesmente chamar o oficial da imigração de bolsonarista, pois este estava fardado e ser contra vacinação. O resultado final da corrida foi este:
P1 – Giuliano Kneipp P2 – Evandro Marques P3 – Marcio Abduch P4 – Eduardo Stadulni P5 – Arilson Sampaio P6 – Roberto Sena P7 – Raphael Cleodolpho P8 – Daniel Manenti
Confira aqui o resultado da corrida.

ROUND 2
KYALAMI

A segunda etapa do GP4FUN foi no circuito sul-africano de Kyalami. Palco de diversas disputas históricas no GP4FUN e na Formula 1 real. Mais uma vez a performance da equipe eXtreme, com Márcio Abduch se mostrou muito acima dos outros carros, que se manteve em todas as sessões, inclusive na Corrida com ampla vantagem aos demais. Na classificação sem surpresas extraordinárias. O ponto fora da curva foram os carros da Factory e da Buzatto, que arriscaram um plano de corrida diferente dos demais, largando de pneus Médios. Para Evandro correu tudo certo fazendo com que o piloto termine na terceira posição na corrida. No entanto, os carros da Factory penaram durante a corrida inteira sem conseguir manter um ritmo veloz e constante. Raphael Cleodolpho, Jorge Paes e Roberto Sena tiveram problemas em seus carros e abandonaram prematuramente a corrida. Moacyr Silva bem que tentou. Chegou na quarta posição depois se atrapalhar com uma pane no motor de Roberto Sena e perder o aerofólio dianteiro, obrigando-o a fazer um pitstop extra. Giuliano Kneipp tentou... tentou... tentou... e só ficou na tentativa... acabou a corrida na segunda posição longe de Abduch. Arilson Sampaio, o baiano voador, depois de uma ótima classificação acabou sucumbindo durante a corrida depois de ter avistado um lugar à sombra e parar para descansar.
O resultado final da corrida foi este:
P1 – Marcio Abduch P2 – Giuliano Kneipp P3 – Evandro Marques P4 – Moacyr Silva P5 – Eduardo Stadulni P6 – Arilson Sampaio P7 – Roberto Sena P8 – Jorge Paes P9 – Raphael Cleodolpho
Confira aqui o resultado da corrida .








ROUND 1
BAHREIN

Primeira Etapa do F1 2022 do GP4Fun foi no anel externo do desafiador circuito do Bahrein. Logo nos treinos livres o trio Giuliano Kneipp, Márcio Abduch e Moacyr Silva mostraram a quem vieram neste ano, com os dois pilotos que decidiram 2021 – Eduardo Stadulni e Arilson Sampaio logo em seguida, trazendo Raphael Cleodolpho no mesmo ritmo. No treino classificatório apresentou o óbvio com a pole de Giuliano Kneipp seguido de Moacyr Silva e Márcio Abduch. E talvez todos tenham achado que aqui se desenharia toda a corrida. Engano! Uma corrida com alguns incidentes dentro e fora das pistas. Fora da pista marcada pela discussão de Giuliano Kneipp e sua Engenheira de pista que tentava demovê-lo da ideia com relação à estratégia de pitstops, que o fez perder tempo ao limpar o banho de urina e obrigatoriamente largar dos boxes. Ainda fora da pista Márcio Abduch foi chamado às pressas para os boxes antes dos carros alinharem porque dentro do seu bólido havia um corpo estranho não permitido pelos Fiscais de Pista. Seu Engenheiro Josecrildo Barata conseguiu a tempo resolver o problema. Além disso, Márcio Abduch sofreu uma crise de soluções dentro do bólido durante a corrida que a cada espasmo seu carro era levado para o passado por aproximadamente dois segundos. Nem mesmo Emmett Lathrop "Doc" Brown conseguiu ajudar, e a partir daí sua corrida ficou prejudicada. Perto da metade da corrida, em mais um capítulo de Vale a Pena Ver de Novo, Roberto Sena perde o controle de seu carro, e mais uma vez encontra a Factory de Eduardo Stadulni na pista provocando uma colisão – a primeira do ano. No Corujão, Raphael Cleodolpho perde a segunda colocação depois de forçar sua Factory na defesa de posição com Giuliano Kneipp, ficando com a terceira posição. A corrida ficou marcada por um problema no carro de Marcos Lazarin de vazamento de óleo cagoneiro que, depois de cinco minutos, foi prontamente resolvido pelo engenheiro grego Assetus Sanitarius Incepa.
O resultado final da corrida foi este:
P1 – Moacyr Silva P2 – Giuliano Kneipp P3 – Raphael Cleodolpho P4 – Eduardo Stadulni P5 – Marcio Abduch P6 – Evandro Marques P7 – Marcos Lazarin P8 – Jorge Paes P9 – Roberto Sena P10 – Arilson Sampaio
Confira aqui o resultado da corrida.